sábado, 12 de dezembro de 2009

Vans Breakers


No começo dos anos 1980 a Vans passou pela sua primeira grande explosão de popularidade: o filme Fast Times at Ridgemont High (Picardias Estudantis) foi a febre do verão de 1982 e impulsionou as vendas do Slip-On quadriculado para as alturas. Como dinheiro começou a não ser problema, a Vans começou a investir em áreas que até então eram inexploradas pela marca. Dessa iniciativa saíram tênis produzidos exclusivamente para a prática de luta-livre, basquete e inluindo aí um bizarro tênis para dançar Break.

O Vans Breakers apareceu no mercado em 1983 e dividiu bastante as opiniões: muita gente associava a imagem da marca com esportes e a vida californiana e não via nenhuma razão para produzirem um tênis para o break. Outros gostaram da idéia e adotaram o tênis, batizados de modelos #428 e #429


Esse período de investimentos diferentes durou até 1986, quando infelizmente um processo de crise se instaurou dentro da empresa e forçou a marca declarar falência no verão do ano seguinte. Foram só dois anos depois, 1989, que a Vans conseguiu se recuperar dessa crise e se reposicionou no mercado de skate americano, que na época via os dias de glória da Airwalk e a Vision. O tênis que tirou a Vans do buraco foi o Cab 1.


A década virou, o skate mudou e o cano foi cortado fora. O Half Cab foi outra pequena revolução dentro da história da Vans, totalmente integrado com os caminhos que o skate estava tomando na época.

Nunca encontrei os Vans Breakers para vender no eBay, e essa é a primeira vez que encontro as imagens desse anúncio em uma qualidade razoável para ser postado no blog. Eu particularmente acho o tênis bem feio, mas existe o seu papel dentro da trajetória da Vans. A propósito, as imagens desse post foram retiradas do blog The Vintage Afficionado

Marcadores: , , , , , , , ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial

var linkwithin_site_id = 214282; Related Posts with Thumbnails